01 agosto 2010

COMO CONTROLAR A BIPOLARIDADE

“Trata-se de um transtorno mental em que o humor assume autonomia, deixando de responder adequadamente ao que seria esperado, com variações diversas como euforia, agitação, aumento de energia, agressividade, ansiedade, explosividade, aumento de riscos e gastos, impulsividade e distração, entre outros sintomas do pólo positivo ou ‘para cima’, que se alternam ou se mesclam com apatia, desânimo, tristeza, ansiedade e falta de prazer do pólo negativo ou depressivo.
Nem sempre os sintomas maníacos ou depressivos são bem claros. Até mesmo quem convive com um paciente bipolar sente dificuldade em distinguir uma aflição comum da depressão, ou sua alegria da euforia patológica. A doença é de difícil diagnóstico, mesmo para profissionais da saúde, que acompanhem há um longo tempo o paciente.”

Como controlar

• Acompanhamento médico e psicoterápico;
• Uso da medicação prescrita conforme recomendação médica;
• O uso da medicação é particularmente importante porque é muito comum o paciente de bipolaridade interromper a terapia medicamentosa. A interrupção no uso do medicamento recomendado, via de regra, desencadeia novos episódios da conduta característica a essa condição: estados de depressão mais intensa e maior exaltação na euforia;
• Restrição ao uso de álcool, drogas e cafeína;
• Vida saudável com horas de sono suficientes e em horário regular, alimentação equilibrada e atividade física adequada ;

Fonte: Diogo Lara, psiquiatra com doutorado em Neurociência http://www.bipolaridade.com.br/

PARA SABER MAIS CLIQUE AQUI!

4 comentários:

Methamorfo disse...

Resolvido. Vc será minha terapeuta!!!
Mil vzs melhor que aqueles que impediram-me de voltar ao trabalho.
Bjooooo.

Quem faz as postagens: disse...

aaaaaaaaaa imagina!
eu sou somente amiga, bem bem maluca! eu mesma tenho uma tropa de terapeutas pra me cuidar!
mas é que entre medicos/terapeutas mal treinados e amigo que ja passou por tais doenças, o segundo geralmente nos confortam bem mais...
como vc ta?

bjoka

Methamorfo disse...

Obssessiva e triste.
Ansiosa e depressiva.
Meu marido anda me ferindo.
Estou toda descontrolada!!!

O que conforta é que minha filhota está feliz, linda, na praia com os avó e não está vendo sua mãe sofrer, nem está sofrendo por isso. Tem só 6 anos...

Amanhã vou tentar de novo me recuperar, mas hoje estou um caco.
Bj.

Quem faz as postagens: disse...

meu amor va atras de outros profissionais!!!! e c cuide com carinho!!! ainda bem que sua filhota ta bem, assim vc pode se concentrar em vc!
enfrente essa maleta de doença e se descubra! nao desista por causa de uns gatos pingados mal informados!!!
bjoka mandando boas vibes pra ti!